Recreio
Busca
Facebook RecreioTwitter RecreioInstagram Recreio

Além de RM: Quais nomes artísticos o rapper do BTS já usou?

Nascido Kim Namjoon, RM, líder do BTS, já teve outros cinco nomes artísticos; descubra quais foram!

por Izabela Queiroz

Publicado em 27/04/2024, às 10h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
RM, em photo sketch para Indigo - Divulgação/ Big Hit Music
RM, em photo sketch para Indigo - Divulgação/ Big Hit Music

Nascido em 12 de setembro de 1994 na Coreia do Sul, Kim Namjoon é mais conhecido por seu nome artístico: RM. O idol, que lidera o boy group BTS, debutou ao lado de Jin, Suga, J-Hope, Jimin, V e Jungkook em junho de 2013, ano em que eles lançaram o single álbum “2 COOL 4 SKOOL” e iniciaram a trajetória que já perdura uma década.

Mas, você sabia que antes de integrar o grupo masculino da Big Hit Entertainment, RM tentou emplacar uma carreira solo como rapper? Além disso, fazia ideia de que ele já tentou promover suas canções na indústria da música coreana com outros nomes? A RECREIO pesquisou e reuniu abaixo todas as informações sobre as diferentes identidades do idol. Confira!

Os nomes artísticos de RM

A verdade, é que artista surgiu como um rapper underground, performando com diversos nomes antes de integrar o BTS. Segundo o portal Koreaboo, RM começou a fazer rap em 2007, se apresentando no Jungle Radio, um café underground de hip hop. Nessa época, ele era conhecido como Runch Randa, nome que possui uma história um tanto quanto inusitada. Isso porque, no primeiro episódio da série 'BTSxMaplestory', uma colaboração entre BTS e a plataforma de jogos Maplestory, no YouTube, o idol contou que Runch Randa foi escolhido em 2007 por conta da Maplestory:

Compartilhei uma conta MapleStory com um amigo”, disse ele. “E o nome do personagem era Runch Randa… eu estava pensando em um nome e simplesmente optei por ele.”

A revelação de RM, pode ser vista, na íntegra, a partir do minuto 4:47. Assista abaixo!

Ainda que não tenha mantido o nome após debutar, como Runch Randa, ele realizou seus primeiros grandes feitos, visto que se apresentou ao lado de artistas como Zico, do Block B (que na época era conhecido como “Nakseo”), conforme apurado pelo portal Letras.

Além de Runch Randa, ele também subiu aos palcos se identificando como Largo, The Nexist e Stealo, nomes que se tornaram parte do passado do rapper em 2013, quando ele estreou como membro do BTS se apresentando como Rap Monster (Monstro do Rap).

O idol permaneceu como Rap Monster até 13 de novembro de 2017, visto que nessa data ele alterou sua assinatura para RM, marcando um novo capítulo em sua carreira, já que conforme o comunicado publicado por ele no fancafe oficial do BTS na época, o novo nome se encaixaria melhor com a música que ele pretendia fazer.

A declaração publicada na íntegra pelo portal Soompi tem a seguinte tradução:

Era um nome artístico que naturalmente passei a ser chamado entre os membros da família da nossa empresa e meus membros, em homenagem a uma frase de uma música que fiz quando era trainee, e acho que gostei muito dele.

Mas assim que comecei a promover, o nome ‘BTS’s Rap Monster’ ficou um pouco longo, e me tornei profundamente consciente do fato de que se tornou diferente [do que eu quero] colocar na frente da música que eu tenho feito nos últimos cinco anos e a música que quero compartilhar no futuro.

Em algum momento, comecei a me apresentar como Rapmon ou RM, em vez do nome completo Rap Monster.
Então eu gostaria de mudar o nome que uso nas promoções para 'RM', que acho que está mais de acordo com a música que pretendo fazer e também tem um espectro mais amplo.

Como já lancei algumas músicas e mixtapes como RM, acho que alguns fãs já devem ter adivinhado isso.

Pensei nisso com cuidado por muito tempo, porque quero fazer música por muito tempo no futuro com uma mente e visão irrestritas e abertas.

É possível que seja um pouco estranho mudar meu nome artístico, como sou chamado desde antes da minha estreia, e você pode sentir que não é familiar. No entanto, eu ficaria sinceramente grato se você me recebesse depois de eu ter começado com um novo nome, após um longo período de consideração.

Obrigado!

-RM”

Vale lembrar que como RM, o rapper promoveu não só ao lado dos membros do BTS, como lançou duas mixtapes: "RM", que chegou as plataformas de streaming de música em 2015 com onze canções, e "Mono", que foi divulgada em 2018, contando com seis faixas. Além disso, ele realizou seu aguardado debut solo em dezembro de 2022 com “Indigo”, álbum que conta com 10 faixas. Ouça novamente!

Por que RM não usa seu nome real?

Com isso, é possível afirmar que os nomes adotados por Namjoon representam cada um de seus momentos musicais, tanto é que em entrevista ao jornal El País, ele contou como suas diferentes identidades tiveram relação com seu amadurecimento.

Todos nós temos um passado, uma história sombria como dizemos na Coreia. Runch Randa era meu apelido em RPG, aí eu queria ser, sabe, um “monstro do rap”, aí eu amadureci…”, relembrou.

No mesmo bate-papo, RM ainda revelou o porquê não se apresenta usando o nome que recebeu ao nascer, ao afirmar que o processo foi uma escolha, e ele a fez pensando na privacidade que pode ter ao realizar ações comuns:

Prefiro que meu nome seja conhecido pelo menor número de pessoas possível. Não sou John Lennon ou Paul McCartney. Posso me hospedar em um hotel tranquilamente e gosto disso”, explicou.